Topo
Image Alt

Objetivos específicos

FORMAÇÃO DE EXCELÊNCIA

  • Formar o profissional da medicina, segundo as normas e as diretrizes atuais vigentes;
  • Promover a formação humanística, generalista, crítica e reflexiva do médico;
  • Desenvolver o senso de responsabilidade social e compromisso com a sua educação e com a cidadania, de modo a assumir papel de promotor de saúde integral tanto no atendimento individual como no âmbito da coletividade, consciente de sua contribuição para o desenvolvimento de relações étnico-sociais positivas uma vez que atuará em uma sociedade multicultural e pluriétnica;
  • Realizar os procedimentos necessários à promoção da saúde e a prevenção, diagnóstico, tratamento e reabilitação das doenças de maior prevalência epidemiológica e importância social;
  • Assegurar a formação nos diferentes níveis de atenção que hoje compõem o SUS, desenvolvendo ações de promoção, prevenção, recuperação e reabilitação, seguindo os princípios da integralidade, universalidade e equidade;
  • Dominar os conhecimentos formadores do embasamento científico dentro dos princípios da bioética e de natureza biopsicossocial subjacentes à prática médica;
  • Desenvolver capacidades para gestão de sistemas locais de saúde, de acordo com os princípios de universalidade, equidade, integralidade e racionalidade das ações;
  • Utilizar procedimentos semiológicos e terapêuticos, dentro de critérios científicos de indicação e contraindicação, limitações, riscos e confiabilidade;
  • Assegurar o exercício da Medicina, com postura ética e visão humanística, visando o bem do paciente, de sua família e da comunidade;
  • Desenvolver capacidades de aprender, de analisar criticamente o conhecimento e de participar do processo de educação permanente dos membros da equipe e de educação em saúde;
  • Desenvolver prática baseada em evidências;
  • Identificar os problemas de saúde prevalentes e situações de risco às quais a população está exposta;
  • Responder de forma contínua e racionalizada à demanda organizada ou espontânea pelos serviços de saúde da família, na comunidade, no domicílio e no acompanhamento ao atendimento nos serviços de referência ambulatorial ou hospitalar;
  • Atuar em sintonia com o perfil epidemiológico local e regional;
  • Assegurar a indissociabilidade do ensino, pesquisa e extensão;