Topo
Image Alt

dezembro 2018

Foto: Wanner Bros Pictures. A pesquisa sobre a utilização da pele de tilápia no tratamento de queimaduras, idealizada pelo cirurgião plástico e nosso professor da FMO Marcelo Borges, foi destaque essa semana nos jornais britânicos The Times e Daily Mail. As reportagens destacam que o tratamento é barato e bem menos doloroso que os métodos tradicionais, beneficiando especialmente as crianças. Os jornalistas usaram o herói Acquaman para ilustrar a reportagem. Em entrevista à imprensa inglesa, o pesquisador da Universidade Federal do Ceará, Felipe Rocha, lembra que a ideia do tratamento partiu do professor Marcelo Borges, que “ao ler uma reportagem num jornal do Recife, sobre o uso da pele de tilápia na produção de bolsas, cintos e sapatos, pensou que se o material tinha força e sensibilidade necessárias para esses acessórios, por que não usá-lo para substituir a pele humana no tratamento de queimaduras?”, relatou. As reportagens completas (em inglês) podem ser acessadas em: The times Daily Mail

  A Faculdade de Medicina de Olinda (FMO) iniciou a sua primeira turma em 2015, mas para se tornar uma instituição, obedecendo aos requisitos exigidos pelo Ministério da Educação, foram quase quatro anos sendo projetada. Com um pouco menos de três anos de existência e sua primeira turma ainda em formação, a FMO foi classificada, no Ranking Universitário Folha 2018 (RUF) proposto pela Folha de São Paulo, como a segunda melhor instituição de ensino superior privada no curso de medicina no estado de Pernambuco. Uma faculdade que traz a inovação como base para a qualidade de ensino e formação profissional. A FMO dispõe de estrutura completa; corpo docente altamente qualificado, obtendo um grande currículo com experiências em diversas universidades públicas do país; equipamentos de alta tecnologia; além de convênios que garantem programas de estágio nos principais hospitais de Pernambuco, proporcionando aos futuros egressos o exercício da medicina alicerçado pela ética e competência.

O professor Silvio Paffer esteve em Dubai nos últimos dias para participar do Congresso Mundial de Cardiologia. Na ocasião foram discutidas as principais tendências na cardiologia, onde o nosso professor teve grande participação debatendo sobre a importância da avaliação da pressão arterial central, como uma nova tecnologia na avaliação da hipertensão arterial e de doenças cardiovasculares.